RELEASE

Diante de uma realidade saturada de tecnologia, excesso e velocidade das informações, a busca pela essência e pelo olhar introspectivo torna-se uma necessidade. É baseada nesse anseio que a Skunk criou a coleção verão 2018, intitulada “Raízes”. A temporada expressa os desejos e instintos da mulher contemporânea, que almeja descobrir mais sobre si e seu papel na sociedade.

Para mostrar essa autoexpressão, a marca foca na liberdade de movimento e na sensualidade elegante. Peças versáteis e confortáveis, em shapes variados, como evasê, linha em A, lápis e midi, oferecem a autonomia desejada e a elegância atemporal.

Propondo uma ligação direta com as riquezas naturais, a estação ganha ainda mais frescor com materiais como rendas guipire especiais, tramas em telas, tricô, crepe, acetinados, linho, seda pura e couro, que recebe contornos definidos e angulares. Trabalhos artesanais com acabamento primoroso de crochês com argolas, macramê e bordados handmade criam um mix inédito de texturas e sobreposições.

Já a cartela de cores passeia por tons off-white, areia, nude, verde oliva, azul serenity, marinho, coral, fúcsia e preto. Os prints exclusivos remetem à feminilidade e às boas energias e surgem marcados por listras, florais, gráficos, estampas localizadas e barrados.

Recortes, volumes pontuais, amarrações inusitadas, fendas estratégicas, decotes ombro a ombro e mangas dão charme, enquanto efeitos metalizados e a alfaiataria desconstruída imprimem modernidade. A camisaria deluxe e a pegada utilitária representam o novo urbano, um contraponto à leveza dos tecidos delicados e esvoaçantes.

Skunk
×